Fique conectado

Saúde

Como saber se a gatinha tem leite ?

Publicado

em

Como saber se a gatinha tem leite

Se a sua gatinha passou por uma gestação recentemente, você provavelmente está com diversas dúvidas. Logo após a gatinha parir, outras tantas aparecem, por exemplo: Como saber se a gatinha tem leite?

Afinal, os primeiros dias de vida de novos gatinhos são importantíssimos e exigem vários cuidados. Pois, esse momento é marcado pela amamentação e relacionamento inicial da gata com seus filhotes.

Nem sempre é fácil perceber as mudanças que a gatinha com filhotes recém-nascidos está passando. Mas, hoje vamos te mostrar os principais aspectos da amamentação de filhotinhos de gatos e o que fazer para identificar se sua gata tem leite. Vamos lá!!!

1. Aumento do volume da mama:

Já no final da gestação podemos ver o início do aumento do volume das mamas. Quanto mais próximo do parto, maior deve ser o volume das mamas da gatinha.

Entretanto, apenas este aumento de volume pode não ser suficiente para identificarmos se uma gatinha tem leite, pois algumas doenças podem também fazer com que as mamas da gatinha aumente de volume.

2. Apertanto levemente as mamas da gatinha:

Essa é o modo mais básico de como saber se a gatinha tem leite. Se você pressionar levemente uma gatinha com as mamas cheias de leite, certamente o leite irá jorrar da mama da gatinha.

Apenas tome muito cuidado para não apertar as mamas da gata sem delicadeza. Neste momento, as mamas da gata estão muito sensíveis e essa manobra pode inclusive machucar a mamãe.

3. Filhotes chorando o dia todo:

Verifique a agitação de sua ninhada de gatos durante o dia e a noite. Normalmente, filhotes recém-nascidos são calmos e estão sempre mamando e dormindo.

Portanto, quando os filhotes estão agitados, sempre procurando pela mãe, é possível que algo não esteja certo ou com o filhote ou com a mamãe e os gatinhos filhotes recém-nascidos estão com fome ou frio.

Assim, fique de olhos bem atentos a qualquer mudança na rotinha, seja excesso de miados (“choro”) ou inquietação da ninhada, certamente esse não é um bom sinal.

4. Filhotes gordinhos e ativos:

Contudo, independentemente de como o gatinho será alimentado, é fundamental analisar se ele está satisfeito.

Um gatinho filhote recém-nascido saudável irá passar boa parte do tempo na rotinha: mamar, dormir, brincar, mamar, dormir e brincar…. Portanto, veja se a rotina e a tranquilidade de seus filhotes de gato está bem estabelecida e se eles estão se desenvolvendo e com a barriguinha sempre redonda, sinal importante de que os gatinhos filhotes estão mamando bem.

O que fazer para ter mais leite

Eventualmente, alguns tutores observam que o leite não está sendo suficiente aos filhotes. Nesse caso, para garantir que isso não aconteça, cuide da alimentação da felina. Durante essa fase, as gatas precisam de uma excelente nutrição e muita, mas muita água disponível.

Com toda a certeza, as gatinhas precisam estar bem hidratadas para produzir todo o leite necessário.

Assim, não se descuide do fornecimento de água para a suas gatas com filhotes. Esse é um ponto importante e inicial para saber se a gatinha tem leite.

Aleitamento substituto

A melhor forma de fazer o aleitamento substituto é utilizar o próprio leite de gato. Ou seja, caso você consiga uma outra gata com filhotes recém-nascidos vale a pena tentar uma “adoção” da nova mamãe.

Todavia, como isso não é tão fácil de ocorrer uma outra solução possível é o aleitamento com substituto de leite para filhotes de gatos. Aqui temos duas opções possíveis: o leite caseiro para gatos ou o industrializado leite para gatos filhotes.

Quer aprender a fazer o leite caseiro para gato filhote não morre? Clique aqui.

A fim de resolver esse problema, a melhor solução é optar pelo aleitamento substituto. Entretanto, é preciso saber qual o método correto e eficaz para a nutrição necessária dos gatinhos. Não se preocupe, o Clube dos Bichos vai lhe informar sobre tudo que você precisa entender.

Gatos podem tomar leite?

De fato, uma das perguntas mais frequentes entre tutores de gatos é se eles podem beber leite. Afinal, a imagem de um gatinho está sempre associada a uma vasilha com leite. Por outro lado, saiba que nem sempre essa opção é benéfica para os felinos.

Quando adultos, os gatos não possuem a enzima lactase, responsável pela digestão da lactose. Logo, não recomenda-se oferecer leite para gatos adultos. Isso porque pode prejudicar o animal.

Certamente, com os filhotes é diferente. Já que em suas primeiras semanas de vida, a lactase está presente no organismo. Então, não há problema em oferecer leite para gatinhos. Continue lendo para saber mais!

Qual leite dar para gato filhote?

Agora que você já sabe que gatinhos conseguem beber leite, vamos entender qual tipo oferecer. Antes de mais nada, o mais importante é não ofertar leite de vaca ou de outros animais. Por mais que o filhote seja capaz de digerir o leite da mãe, o leite de outras espécies não é aceito pelo organismo.

Desse modo, o correto é optar por leites de substituição, facilmente encontrados no mercado. Além do mais, também existem algumas fórmulas caseiras que servem de alternativa ao industrial.

Leite industrial e caseiro para gatinhos filhotes

Antes de escolher qual tipo de leite você usará como substituto, conheça a diferença entre os dois. Primeiramente, o leite industrial é mais semelhante com o das felinas. Ele possui todos os nutrientes que o gatinho precisa. Já as misturas caseiras variam de receita para receita, mas costumam conter os mesmos nutrientes.

Leite industrial para gatos recém nascidos

Visto que esse tipo de leite substituto tem o objetivo de parecer com o da gata… Filhotes recém nascidos não terão problemas ao consumi-lo. Ao optar por esse leite, lembre-se de conversar com um veterinário para comprar o produto adequado para o gatinho.

No mercado, é comum encontrá-lo como um suplemento em pó para misturar com água. Funciona de forma parecida a suplementos para bebês. Ademais, atente-se ao modo de uso, medições e quantidade diária.

Leite caseiro para filhote de gato

Em contrapartida, se preferir a opção caseira, tome cuidado com qual receita irá seguir. Sem dúvidas, existem muitos métodos caseiros em qualquer lugar que você pesquisar. Porém, não há garantias que a fórmula fará bem ao seu gatinho recém-nascido, muito menos que ele irá sobreviver a uma fórmula mal balanceada ou com ingredientes alergênicos.

Então, principalmente no cuidado com filhotes de gato, é fundamental o auxílio de um médico veterinário.

Cada dia perdido é uma eternidade no desenvolvimento de um filhotinho de gato saudável e feliz. Já que é uma alternativa econômica, utilize ao seu favor. Mas, sem prejudicar o gatinho!

Esperamos que tenha gostado de como saber se a gatinha tem leite. Até a próxima!!!


guilherme rezende

Guilherme Rezende

Médico Veterinário formado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Pós graduado em Clínica Cirúrgica de Pequenos Animais pela Universidade Castelo Branco (UCB).

Cofundador da Plataforma Clube dos Bichos.

fabiano carregaro

Fabiano Carregaro

Médico Veterinário graduado pela Universidade de Brasília (UnB).
Mestre em Ciências Veterinárias pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

Cofundador da Plataforma Clube dos Bichos.

Clique para comentar

Deixe uma resposta